Recuperação de dados em Fitas Magnéticas DAT

Uma das marcas nacionais líderes na recuperação de dados em fita.

Recover Tapes
35k+

ATENDIMENTOS
EM TODO O MUNDO

7k+

DATA CENTERS
RECUPERADOS

25 anos

EXPERIÊNCIA
CONSOLIDADA

24×7

SUPORTE 24H
PARA URGÊNCIAS

Remote

RECUPERAÇÃO DE
DADOS REMOTA

GDPR

PROTEÇÃO TOTAL
DE SEUS DADOS

Recuperar as Fitas Magnéticas DAT

Estamos na vanguarda da recuperação de dados em Fita

As fitas magnéticas DAT (Digital Audio Tape) são um tipo popular de suportes de armazenamento de dados utilizados para backups e arquivamento de dados de computadores e servidores. As fitas DAT oferecem uma capacidade de armazenamento que varia de 4GB a 160GB e são uma opção económica e fiável para o armazenamento de dados a longo prazo.

Uma das principais vantagens das fitas DAT é a sua compatibilidade com uma vasta gama de dispositivos de backup, incluindo unidades autónomas e internas em servidores. Além disso, as fitas DAT são relativamente baratas em comparação com outros tipos de suportes de cópia de segurança, tornando-as uma opção atractiva para as pequenas e médias empresas.

No entanto, como com qualquer outro tipo de suporte de armazenamento de dados, as fitas DAT estão sujeitas a perda de dados. A perda de dados em fitas DAT pode ser causada por uma série de factores, incluindo:

  • Danos físicos à fita adesiva: As fitas DAT podem ser danificadas se forem expostas a temperaturas extremas, humidade, pó ou outros elementos que possam afectar a integridade da fita. Além disso, o manuseamento incorrecto da fita pode também causar danos físicos, tais como arranhões ou deformações.
  • Corrupção de dados: A corrupção de dados é um problema comum nas fitas DAT e pode ser causada por uma variedade de factores, incluindo problemas de hardware ou software, erros de escrita ou leitura, interferência magnética, e outros.
  • Problemas de escrita ou de leitura de dispositivos: O dispositivo de escrita ou leitura utilizado para aceder aos dados armazenados numa fita DAT também pode ser um factor que leva à perda de dados. Problemas mecânicos, eléctricos, ou de software com o dispositivo podem afectar a capacidade do dispositivo para aceder com precisão aos dados da fita adesiva.
  • Expiração da vida útil da fita: As fitas DAT têm uma duração de vida limitada, e se usadas durante demasiado tempo, podem desgastar-se e sofrer problemas de desgaste, tais como danos físicos, diminuição da qualidade de armazenamento, e erros de leitura dos dados.

Por que a Digital Recovery?

A Digital Recovery é uma empresa de recuperação de dados com mais de 20 anos de experiência. Temos uma equipa de especialistas altamente qualificados e equipamento de ponta para lidar com a recuperação de dados a partir de fitas DAT.

Além disso, oferecemos uma vasta gama de serviços de recuperação de dados, incluindo recuperação de dados a partir de discos rígidos, bases de dados, sistemas RAID, meios de armazenamento, servidores, máquinas virtuais, e muito mais.

Temos a capacidade de recuperar dados em qualquer situação. A nossa taxa de sucesso é elevada, mesmo em casos extremos de danos físicos nas fitas.

Temos uma política de transparência; após o diagnóstico inicial avançado, oferecemos um acordo comercial que estipula o tempo do processo e o valor do serviço.

Todas as nossas soluções foram desenvolvidas com base na Regulamento Geral de Protecção de Dados (GDPR), para garantir uma maior segurança para os nossos clientes. Disponibilizamos também um acordo de confidencialidade (NDA) que garante o sigilo das informações recuperadas.

Contacte-nos e inicie agora a recuperação dos seus dados em fitas DAT.

Acalme-se, os seus dados podem voltar

Contacte a
Digital Recovery

Faremos um
diagnóstico avançado

Obtenha o orçamento para o seu projecto

Começamos a reconstrução

Recupere os seus dados

Estamos
sempre online

Preencha o formulário ou selecione sua forma de contato preferida. Entraremos em contato com você para iniciar a recuperação de seus arquivos.

Experiências de clientes

Cases de sucesso

O que nossos clientes dizem sobre nós

Empresa que confia nas nossas soluções

Respostas dos nossos peritos

Quais são as principais causas de perda de dados nas fitas DAT?

As fitas DAT podem sofrer perda de dados por diversas razões, incluindo desgaste natural ao longo do tempo, danos físicos na fita, armazenamento inadequado (por exemplo, exposição a temperaturas ou humidade extremas), erros de gravação ou leitura, e até mesmo obsolescência tecnológica (quando a tecnologia utilizada para ler as fitas já não está disponível).

Como pode ser evitada a perda de dados em fitas DAT?

Para evitar a perda de dados em fitas DAT, é importante seguir boas práticas de armazenamento, tais como o armazenamento de fitas num ambiente fresco e seco, longe de fontes de calor ou humidade. Além disso, é importante fazer regularmente cópias de segurança dos dados armazenados nas fitas DAT e monitorizar regularmente a integridade dos dados gravados nas fitas.

Ainda vale a pena utilizar fitas DAT para backup e armazenamento de dados?

Embora a tecnologia de fita DAT tenha sido amplamente utilizada no passado, existem hoje outras tecnologias de armazenamento de dados mais fiáveis, tais como discos rígidos externos e armazenamento em nuvem. Além disso, a obsolescência tecnológica pode tornar difícil ou impossível o acesso a dados armazenados em fitas DAT no futuro. Por conseguinte, recomenda-se a avaliação de outras opções de armazenamento antes de optar pela utilização de fitas DAT.

Últimos insights dos nossos especialistas

O que você precisa saber

Quando se trata de rentabilidade, não há dúvida de que as fitas magnéticas são a melhor escolha para o armazenamento de cópias de segurança. As fitas magnéticas foram concebidas para este fim e oferecem vários anos de durabilidade, ao contrário dos discos rígidos.

Os discos rígidos são constituídos por peças mecânicas, que por sua vez são susceptíveis de falha e perda de dados. Não que as fitas magnéticas sejam imunes à perda de dados, a perda de dados pode ocorrer com as fitas, mas é muito mais rara do que com os discos rígidos.

Podemos separar as ligações em três, que são autónomas, autoloaders e biblioteca.

  • Standalone – Uma única unidade simples.
  • Autoloaders – Armazena mais do que um cartucho e tem um mecanismo de carregamento automático com unidade LTO.

Biblioteca – Armazena múltiplos cartuchos e mais do que uma unidade em vários tamanhos e capacidades.