Aceitamos o desafio de recuperar os seus dados perdidos.

O Que É Máquina Virtual?

Máquina virtual (VM), também conhecida como processo de virtualização, é uma tecnologia que permite a integração de um sistema virtual em seu computador de maneira totalmente isolada.
Recuperar Máquinas Virtuais

Máquina virtual (VM), também conhecida como processo de virtualização, é uma tecnologia que permite a integração de um sistema virtual em seu computador de maneira totalmente isolada. De forma que tudo que for executado no ambiente virtual não afetará o restante do computador.

A máquina virtual (VM) é uma ferramenta poderosa que pode ser usada para criar e executar vários sistemas operacionais, incluindo aplicativos desenvolvidos para outras plataformas, como Windows ou Mac.

Ou seja, uma máquina virtual é um computador que é executado dentro de outro computador. Dentro desse ambiente é possível executar diferentes tipos de software, como aplicativos e jogos.

O conceito surgiu quando houve uma enorme crescente na movimentação de dados. As empresas que foram avançando com suas tecnologias precisavam de alguma maneira compactar seus sistemas.

A partir daí, surgiu o armazenamento em nuvem, que quando conectado a uma rede, todos seus dados ficam armazenados sem ocupar a memória do disco interno.

Porém, uma nuvem possui uma enorme carga de dados e arquivos, para realizar a gestão da grande demanda, as máquinas virtuais foram criadas.

Com elas foi possível juntar vários sistemas virtuais em apenas um sistema físico, poupando recurso, espaço e até possíveis funcionários.

Recuperar Máquinas Virtuais
O que você vai encontrar neste artigo?

Modelos de Máquinas Virtuais

Existem vários modelos de máquinas virtuais, veremos a principais a seguir:

Microsoft Hyper V

Recuperar Hyper-V

O Hyper-V é uma plataforma baseada no Windows 10 que ajuda as empresas a aproveitar os recursos de virtualização do Microsoft Windows. Com ele as empresas podem executar vários sistemas operacionais em um computador, permitindo que economizem tempo e dinheiro quando se trata de suporte de TI.

Além disso, o Hyper-V pode ajudar a reduzir os custos de transferência de dados e melhorar o desempenho da rede para as empresas.

O produto de software já ajuda os milhares de administradores a gerenciar máquinas virtuais (VMs) e aplicativos em diferentes sistemas.

O Hyper-V Central fornece um local central para gerenciar VMs e aplicativos, bem como ferramentas para ajudar na instalação e configuração.

Como Instalar O Hyper-V

Instalar o Hyper-V é muito fácil. O instalador cuida de tudo para você e são apenas alguns cliques para começar.

Mas, como sempre, há algumas coisas a serem lembradas antes de iniciar a instalação.

Em primeiro lugar, certifique-se de ter os patches mais recentes instalados em seu sistema. Caso contrário, você precisará atualizá-los o mais rápido possível.

Segundo, esteja preparado para algumas surpresas durante o processo de instalação. Não se surpreenda se o Hyper-V iniciar lentamente ou até mesmo travar às vezes. Apenas lembre-se de que essas coisas geralmente acontecem em testes beta – e tudo bem.

Terceiro e último, esteja ciente de como o Hyper-V afeta o desempenho da sua rede. Verifique se você consegue ver todos os seus dispositivos e recursos enquanto executa o RIPTooling ou ferramentas semelhantes.

Passo A Passo Da Instalação Do Hyper-V

Para instalar o Hyper-V, primeiro crie uma nova pasta em seu computador onde você salvará os arquivos do instalador do Hyper-V.

Em seguida, execute o instalador do Hyper-V nesta pasta. O instalador levará alguns minutos para iniciar.Após a conclusão, você poderá abrir o shell do Hyper-V em sua nova pasta e iniciar a instalação do hipervisor.

Use o Hyper-V para fazer interface com seus dispositivos

O Hyper-V é perfeito para conectar tipos de dispositivos como adaptadores de rede, impressoras, smartphones, tablets e até câmeras digitais. Você pode conectar facilmente esses dispositivos usando hipervisores no mesmo ambiente Windows.

Isso significa que, em vez de encontrar uma conexão física apropriada ou configurar cada dispositivo separadamente, você pode gerenciar todos eles em um só lugar – facilitando muito a vida na hora de implantar ou executar aplicativos ou serviços nesses sistemas.

Para ter sucesso com o Hyper-V, é importante manter seus desktops e laptops separados uns dos outros. Dessa forma, você pode continuar usando seus aplicativos tradicionais do Windows enquanto seus servidores são executados em seu próprio ambiente virtual.

Além disso, você deve evitar o uso do Hyper-V em sistemas usados para produzir conteúdo de vídeo ou jogos – estes sistemas precisarão usar plataformas de virtualização alternativas, como VMware ou o próprio emulador Xbox 360 da Microsoft.

Vmware (ESX)

Recuperar Vmware

A VMware é uma empresa de tecnologia que cria e vende software que ajuda as empresas a gerenciar suas nuvens.

O principal produto da empresa é o VMware Workstation, que permite aos usuários criar, executar e gerenciar aplicativos em um ambiente virtualizado.

Com mais de 23 anos de experiência, a VMware construiu um nome bem conhecido no mundo da tecnologia.

Além de seu produto principal, VMware vSphere, a VMware oferece uma ampla variedade de produtos e serviços que ajudam as empresas a gerenciar seus ambientes de data center.

Isso inclui a linha de produtos VMware vWorkarcenter, bem como a linha de produtos e serviços VMware Horizon.

Outros produtos da empresa incluem VMware Fusion, que permite aos usuários criar vários ambientes virtuais, e VMware Player, que permite aos usuários reproduzir conteúdo transmitido da Internet ou de dispositivos de mídia local.

O VMware é um software poderoso e popular usado por muitas empresas. Seus principais recursos incluem a capacidade de criar, gerenciar, operar e alternar servidores, bem como a capacidade de se conectar a outros computadores.

Os benefícios de usar o VMware incluem maior eficiência e produtividade nas operações de negócios, bem como a capacidade de expandir sua base de clientes.

Citrix (Xen Server)

Recuperar XenServer

Citrix XenServer é o servidor Xen mais popular e poderoso do mercado. É perfeito para pequenas e médias empresas, pois oferece alto grau de desempenho e segurança.

Além disso, o Citrix XenServer é fácil de configurar, tornando-o a escolha ideal para administradores ocupados que desejam uma plataforma rápida e confiável.

A plataforma oferece uma variedade de recursos e capacidades que podem ser usados para gerenciar sua infraestrutura de servidor. Esses recursos incluem:

  • XenServer Manager: O XenServer Manager é uma interface gráfica do usuário (GUI) para gerenciar servidores Citrix XenServer. Ele fornece acesso a informações do sistema, utilização da CPU, espaço de armazenamento e muito mais.
  • XenApp: Citrix XenApp é um poderoso aplicativo de produtividade que permite aos usuários criar, gerenciar e compartilhar aplicativos em servidores Citrix XenServer.
  • XenDesktop: Citrix XenDesktop é uma solução versátil de gerenciamento de desktop que permite que os usuários interajam com seu servidor por meio de uma interface gráfica de usuário (GUI).
  • XenWidgets: Citrix XenWidgets é um complemento para o XenServer Manager que fornece suporte a widgets para gerenciar recursos do servidor, incluindo discos, CPUs, GPUs e muito mais. O Citrix tem sido usado em muitos projetos comerciais e privados há anos, e pode ser usado nas plataformas Windows e Linux.

Quais são os benefícios do Citrix XenServer?

Um dos principais benefícios de usar o Citrix XenServer é seu desempenho. Mostrou-se muito confiável e capaz de lidar com aplicativos de alto tráfego rapidamente e sem problemas.

Além disso, ele vem com muitos recursos que o tornam a escolha ideal para empresas ou governos que precisam executar implantações em larga escala de Servidores Xen.

Quais são os requisitos para o Citrix XenServer?

Para usar o Citrix XenServer, você precisará de pelo menos 4 núcleos ou mais rápido, 8 GB de RAM e um disco rígido de 120 GB com pelo menos 2 TB de capacidade.

Oracle VM

Recuperar Oracle VM

O Oracle VM VirtualBox é uma plataforma de virtualização poderosa e fácil de usar que permite criar e gerenciar facilmente vários sistemas operacionais em um computador.

Ele é um produto de software gratuito e de código aberto que permite executar vários sistemas operacionais em um computador.

Seja você um administrador experiente ou apenas iniciante, o Oracle VM VirtualBox é a ferramenta perfeita para o seu próximo projeto. Você pode usá-lo para executar aplicativos Windows, Linux, MacOS ou Android.

Os bônus de usar o Oracle VM VirtualBox incluem:

– Você pode economizar dinheiro executando vários sistemas operacionais em um computador.

– Você pode executar vários aplicativos no mesmo computador.

– Você pode abrir diferentes tipos de aplicativos na mesma máquina física.

Os ônus de usar o Oracle VM VirtualBox incluem:

– Ele não pode executar nenhum sistema operacional além dos suportados pelo computador host. Isso inclui sistemas Windows, Mac, Linux, Solaris e FreeBSD.

– Ele não pode detectar ou configurar automaticamente o hardware para o ambiente de virtualização. Você deve fazer isso manualmente.

Como instalar o Oracle VM VirtualBox

Se você deseja instalar o Oracle VM VirtualBox em seu computador, primeiro você precisa instalar o software. Para fazer isso, siga estas etapas:

  • Vá até o local onde a pasta com os arquivos de instalação do VirtualBox está.
  • Para iniciar a instalação, clique no arquivo do VirtualBox e selecione a opção avançar ou continuar.
  • Aceite o contrato de licença e termos de serviço e clique em avançar ou continuar.
  • Selecione o local de instalação do software.
  • Clique em instalar.
  • Se for requisitado, insira a senha de seu usuário de login.
  • Assim que a instalação encerrar, selecione a opção concluir ou fechar.

Como Atualizar o Oracle VM VirtualBox

Depois de instalar o software necessário, é hora de atualizá-lo. Para fazer isso, siga estas etapas:

  • Inicie o VirtualBox
  • Confirme se a atualização mais recente está aplicada clicando no menu na opção em “Ajuda”.
  • Em “Ajuda” vá até “Verificar por atualizações”
  • Em seguida, inicie o processo de atualização.
  • Quando finalizado, selecione as opções de customização e instale a atualização.

Redhat Virtual Machine

Recuperar Vm Red Hat

Redhat Virtual Machine (VM) é uma tecnologia de virtualização Linux popular que permite aos usuários executar aplicativos e sistemas operacionais em um sistema Linux virtualizado separado.

O Redhat Virtual Machine Suite é uma coleção de componentes disponíveis gratuitamente que permitem criar, gerenciar e implantar máquinas virtuais.

Isso significa que, em vez de instalar aplicativos e sistemas operacionais separados em computadores diferentes, você pode usar uma máquina virtual para executar vários aplicativos e sistemas operacionais.

Onde a Máquina Virtual Redhat está disponível?

As máquinas virtuais Redhat estão disponíveis em muitos varejistas online, como Amazon, eBay e PHP. O preço de uma máquina virtual Redhat pode variar dependendo do modelo e do processador utilizado.

Quais são os diferentes tipos de máquinas virtuais Redhat

Uma máquina virtual é um programa de software que ajuda você a executar vários aplicativos em um computador. As máquinas virtuais Redhat estão disponíveis em diferentes sabores, como CentOS, Fedora e RHEL.

Eles também vêm em tamanhos diferentes, desde as pequenas e leves máquinas virtuais CentOS 6 até as pesadas e poderosas máquinas virtuais RHEL 8.1.

Para que serve a Máquina Virtual Redhat?

O Redhat Virtual Machine for Enterprise (RVME) é um produto comercial criado pela Red Hat que fornece aos administradores uma maneira eficiente de gerenciar seus sistemas antipopular executando vários aplicativos em um computador, além de implantar patches de segurança e gerenciar outros recursos do sistema com mais eficiência.

Pode ser usado em empresas, organizações governamentais e instituições de ensino.

Nutanix

Nutanix é a empresa que fornece uma plataforma para armazenamento e gerenciamento de dados. A Nutanix foi fundada em 2006 e desde então se tornou uma fornecedora líder mundial de soluções inteligentes de armazenamento de dados.

Os produtos da Nutanix são usados por grandes corporações, governos e startups em todo o mundo. E a Nutanix está sediada em San Jose, Califórnia.

Essa plataforma ajuda as empresas a armazenar seus dados de forma segura, eficiente e econômica.

Nginx (uma subsidiária da Nutanix) é usado por algumas das maiores empresas do mundo, incluindo Google, Facebook, Amazon Prime Air, Deutsche Bank AG, BPCE Holdings PLC, Mastercard International Inc., Ford Motor Company, Microsoft Corporation e muitos outros mais.

Além de seu papel como empresa de armazenamento de dados, a Nutanix também tem planos de se tornar a fonte definitiva para criação e entrega de conteúdo digital em dispositivos dentro das organizações.

Esse objetivo inclui o desenvolvimento de novas tecnologias para soluções de rede de entrega de conteúdo (CDN), bem como o desenvolvimento de ferramentas de software que ajudam os editores de conteúdo a criar e entregar seu conteúdo com mais facilidade e rapidez do que nunca.

Nutanix é a empresa de Computação em Nuvem

A computação em nuvem é uma tecnologia que permite aos usuários acessar seus dados e aplicativos em um ambiente digital.

Isso significa que seus dados podem ser armazenados e usados em qualquer lugar, a qualquer momento, sem precisar sair do seu computador ou dispositivo. Os benefícios da computação em nuvem incluem:

  • Você pode economizar custos usando serviços de computação em nuvem.
  • Você pode acessar seus dados e aplicativos de qualquer dispositivo ou local sem sair do seu computador ou dispositivo.
  • Você pode aproveitar a tecnologia e as ferramentas mais recentes para aumentar a eficiência e a produtividade.

Como a Nutanix pode ajudá-lo a atingir seus objetivos

A Nutanix pode ajudá-lo a melhorar sua estratégia de armazenamento fornecendo acesso fácil a todos os seus dados, além de ajudar a otimizar o espaço de armazenamento e a eficiência.

Além disso, a Nutanix oferece serviços de recuperação de desastres que podem ajudá-lo a manter seus dados sãos e salvos em momentos de emergência.

Suse VM

O Suse VM é um conjunto abrangente de software de virtualização que permite aos usuários criar, implantar e gerenciar vários sistemas operacionais em diferentes máquinas físicas.

Ele foi lançado pela primeira vez em 2009 como uma versão de software beta para sistemas de mainframe IBM. Em maio de 2013, o SuseVM foi disponibilizado gratuitamente para todos os usuários cadastrados.

Quais são alguns dos Benefícios da Assinatura do Suse VM

  • Capacidade de executar vários produtos de virtualização no mesmo sistema.
  • Capacidade de gerenciar vários sistemas operacionais na mesma máquina.
  • Capacidade de criptografar dados e executar aplicativos em vários idiomas.
  • O suporte para muitas soluções de armazenamento, incluindo VMware NSX e matrizes de armazenamento IBM.

Dicas para o sucesso com o Suse VM

Certifique-se de que sua máquina esteja executando o Suse VM, a versão mais recente e melhor do software de virtualização de código aberto.

Isso garantirá que seus dados estejam devidamente protegidos e que você possa acessá-los como se estivessem fisicamente no computador.

Se você não tiver o Suse VM instalado em seu computador, poderá instalá-lo a partir dos repositórios de sua distribuição Linux favorita. 

Você também pode baixar e instalar o Suse VM de seu site ou por meio de um instalador de pacotes.

Para fazer uso de todos os recursos do Suse VM, certifique-se de atualizar sua base de código regularmente. 

Isso inclui patches de segurança regulares e correções de bugs, bem como novos recursos e melhorias que podem ser lançados a qualquer momento.

Para acompanhar as mudanças no Suse VM, visite o site do projeto ou siga as instruções neste artigo para usar as ferramentas e comandos do SuseVM.

Enfim, agora que você conheceu mais sobre as principais plataformas e serviços de máquinas virtuais, ficou claro que não existe o produto perfeito.

Porém, de acordo com a necessidade da sua empresa, algum desses serviços pode trazer grande evolução nos seus resultados.

Como Usar Uma Máquina Virtual?

Há muitas maneiras de usar uma máquina virtual, mas quatro das mais utilizadas são as seguintes:

  • Use-o como uma janela para abrir programas: Ao executar um aplicativo por meio de uma máquina virtual, você pode alternar entre suas janelas normais e a janela do sistema operacional virtual do aplicativo. Permitindo executar multitarefas e agilizando os processos.
  • Use-o como uma cópia de outro computador: Se deseja executar um aplicativo em um computador e acessar seus recursos em outro, você pode usar uma máquina virtual. Isso é útil caso precise de dois computadores para fazer algo (como criar uma planilha) ou se um de seus computadores estiver indisponível por algum motivo (como durante uma viagem).
  • Use-o como campo de treinamento: Além de ser usado como uma emulação de outros computadores, as máquinas virtuais também podem ser usadas como campo de treinamento para exercícios de desenvolvimento de software ou para aprender habilidades de programação. Ao executar vários softwares em diferentes shells (ou versões), você pode aprender como cada programa funciona sem realmente ter nenhum código instalado em seu próprio computador.
  • Use-o como um emulador para hardware obsoleto ou antigo: Assim como citado nas vantagens, as máquinas virtuais geralmente incluem suporte para hardware mais antigo para que você possa executar aplicativos em suas versões anteriores, usando sistemas operacionais e drivers modernos. Essa função auxilia bastante quando necessário executar aplicativos mais antigos que foram descontinuados, mas ainda estão disponíveis online em algum lugar.

As Vantagens De Usar Uma Máquina Virtual

As máquinas virtuais podem agilizar muitos processos. Há vários motivos pelos quais você pode querer usar uma máquina virtual para tais.

Por exemplo, uma máquina virtual pode ser executada mais rapidamente que uma física, permitindo que você trabalhe em tarefas mais exigentes com mais eficiência. Isso pode economizar tempo e dinheiro a longo prazo.

A VM também pode ser usada em combinação com serviços em nuvem, para que as empresas possam aproveitar ao máximo seus investimentos em tecnologia, por exemplo, com ela é possível testar a funcionalidade de serviços e sites online.

Além disso, elas podem ser usadas para vários propósitos, incluindo aprender novas linguagens de programação, jogar videogames ou depurar software sem afetar o sistema principal.

Operando dentro do ambiente virtual, também é possível realizar e usar versões anteriores dos aplicativos e software, sem que seja necessário atualizá-los

Em questão econômica, operar várias máquinas dentro de uma, diminui os custos para desenvolver novas tecnologias.

O Que São Snapshots Nas Máquinas Virtuais?

Na área de recuperação de dados estamos acostumados a lidar com várias situações de perda de dados atrelados a esse tipo de tecnologia, não por erro da aplicação (o que não exclui essa possibilidade) mas por erro humano.

O uso indevido ou por falta de experiência, pode tornar a tarefa de gerenciar os snapshots uma missão crítica e quase sempre o cenário de perdas de dados é quase certo.

O Que é Snapshot?

Um erro comum é o entendimento do que é o snapshot, boa parte dos casos que recebemos para recuperar os dados carregam em si esse erro. Mas, qual erro? Achar que o snapshot é um backup, porém, isso não é verdade.

O snapshot é uma espécie de congelamento da máquina virtual principal e criação de uma nova máquina atrelada a essa principal sem usá-la consequentemente.

Os novos dados são gravados nessa espécie de backup não consumindo o espaço e a performance da máquina principal.

Imagine o seguinte cenário: Você tem uma aplicação rodando na máquina virtual principal e precisa de disponibilidade de funcionamento sem interrupções, porém o volume de dados não foi bem calculado inicialmente.

Nesse caso, o snapshot é uma baita ferramenta para receber esses novos dados da máquina principal.

Existem algumas recomendações de boas práticas para o processo de consolidação desses novos dados:

  • É recomendado utilizar o snapshot por 72hs, após isso é necessário consolidar os dados na máquina virtual principal.
  • Não permita que o snapshot tenha um tamanho grande. Quanto maior, mais demorado é o processo de consolidação dos dados. Temos percebido que o processo de consolidação em ambientes de alta disponibilidade dados se tornam difíceis de lidar.
  • Não tenha mais que 3 snapshots.

Quais São as Extensões dos Principais Snapshots?

  • Vmware: Delta
  • Microsoft: AVHD, AVHDX

Problemas Que Causam a Perda De Dados Em Máquina Virtual

Exclusão de dados

É muito comum os usuários de VM acabarem excluindo seus dados crendo que possuem um backup ou que o arquivo está armazenado em outro lugar. Porém, infelizmente, muitos se enganam e perdem seus dados

Corrupção de informações

A ação não ocorre frequentemente, entretanto, ainda existe a possibilidade de corrupção dos dados. Quando há queda de energia, por exemplo, o software pode falhar e os arquivos serem perdidos.

Formatação de partições

As partições são os dados que ficam armazenados fora do sistema operacional principal, ou seja, quando as partições são formatadas, as informações são deletadas.

Sobreposição de informações

A sobreposição de dados é um erro bem comum que acontece em data centers. A falha ocorre quando um arquivo é colocado em cima de outro, seja uma versão mais atualizada do mesmo, ou até outro arquivo. Isso acaba excluindo a versão original dos dados

Formatação seguida da reinstalação de sistemas

Quando uma máquina é formatada, todo o armazenamento será excluído, caso um backup não tenha sido feito, todas as informações serão perdidas.

Mal funcionamento, queima ou quebra do sistema de armazenamento do gerenciador de máquinas virtuais

Em casos de danos físicos, até mesmo as VM podem ser afetadas, pois os hardware sofrerão danos, resultando em perda de dados

Falha simultânea de discos rígidos em Storages

Quando mais de um disco é corrompido ao mesmo tempo, as informações contidas neles serão excluídas.

Recuperar dados de Máquinas Virtuais

Desenvolvemos tecnologias exclusivas para recuperar Máquinas Virtuais. Os nossos anos de experiência em recuperação de dados nos deram a expertise necessária para trabalharmos nos mais complexos cenários de perda de dados. Recuperar banco de dados foi um desafio que conseguimos ultrapassar.

Máquinas Virtuais (VM) são gerenciadores de sistemas operacionais desenvolvidos para aproveitar ao máximo o desempenho e recursos oferecidos por servidores e storages.

Aliado aos sistemas RAID, este recurso se transforma em um canivete suíço. Através destes gerenciadores é possível transformar um único servidor físico em vários servidores virtuais.

Ou seja, ao invés de se comprar um servidor para cada tipo de aplicação (file server, banco de dados, e-mail e internet), compra-se apenas um servidor escalável e nele se instala um gerenciador de máquina virtual para rodar vários servidores de diversas plataformas ao mesmo tempo.

Com o gerenciador de máquinas virtuais é possível compartilhar ou alocar recursos para cada servidor virtual de acordo com a demanda. Se em algum momento o servidor físico precisar de mais recursos, basta adicionar memória, discos ou processadores.

Como Recuperar Máquinas Virtuais Após Ataque Ransomware

Mesmo com todas as perdas citadas acima, a principal delas e com maiores prejuízos, são os ataques ransomware.

Após as máquinas virtuais serem atacadas por ransomware, não existem tantas coisas que um técnico possa fazer, a não ser recorrer a uma empresa especializada em recuperação de arquivos encriptados por ransomware.

Talvez, por desencargo de consciência, é válido recorrer aos meios arcaicos e desconectar os cabos de rede que distribui o acesso a internet, após ter sido atacado.

A realidade é que, após os guests serem atacados, o temor que fica é para que não tenham pastas públicas que sejam compartilhadas diretamente com o host.

De fato, se durante a configuração haja uma pasta pública, este se tornou o melhor dos mundos para os hackers, pois desta forma eles conseguirão uma escala de privilégios, que antes não estava em seu plano efetivo de ataque.

Existe uma lógica, que precisa ser esclarecida, quanto maior o número de dados sequestrados, quanto mais valiosos e vitais forem os dados encriptados, maior será o ticket de pagamento em criptomoeda, para ter acesso a chave de descriptografia.

É um tanto lógico, porém é necessário que isso seja esclarecido, pois os cibercriminosos serão sempre astutos e quanto mais souberem que os dados são críticos, é a chance que têm de aumentar o valor a ser negociado.

Compartilhar informações valiosas, senhas, acessos ao sistema, de forma imprudente, são maneiras simples de serem manipuladas, encontradas e invadidas.

Uma dica valiosa, é usar senhas de autenticação de dois ou mais fatores, para acesso ao sistema, senhas que expiram a cada 10 segundos, ambientes criptografados, onde para tentar acessar a senha master, é extremamente difícil.

Da mesma forma que os hackers trafegam pela internet, a níveis semelhantes de segurança, a forma como valorizam a privacidade e acessam os sites, são sinais importantes, que precisam ser replicados em nosso dia a dia.

Negligenciar a realidade de que a internet é um ambiente hostil, é o início para o sucesso dos ataques ransomware. Evitar a todo custo, péssimos hábitos em torno de todo o trabalho online.

Evitar contato ou negociação com criminosos, pois pelos fatos e evidências não há questionamentos, de que o abalo psicológico por parte das vítimas, as tornam totalmente vulneráveis e fáceis de serem manipuladas.

Conte com a Digital Recovery para recuperar arquivos encriptados por ransomware, podemos recuperar ransomware de qualquer extensão mesmo sem a chave de descriptografia.

Por Que Escolher a Digital Recovery para Recuperar Máquina Virtual?

A Digital Recovery é uma empresa especializada em quaisquer tipos de perdas de dados. Sistemas em RAIDStorage NAS e SANBancos de Dados Oracle, MS SQL, My SQL e Firebird são a nossa especialidade. Caso você tenha recebido a triste notícia de um diagnóstico negativo, nós temos total interesse em analisar o seu caso.

Desenvolvemos tecnologias em softwares e hardwares que nos capacitam a atuar com precisão e agilidade nos processos de avaliação e recuperação dos dados. A criação destas tecnologias fizeram com que a Digital Recovery seja única em várias frentes de serviços.

Uma de nossas tecnologias denominada Tracer é capaz de automatizar inúmeros processos analisando milhões de informações reduzindo o tempo de realização de serviços de várias semanas para algumas horas.

Somos uma empresa 100% brasileira com filial em Hamburgo, na Alemanha. Outras parcerias para troca de informações e compartilhamento de tecnologias são realizadas entre empresas que estão em países como Estados Unidos, Rússia e Ucrânia.

Caso os seus dispositivos de armazenamento de dados estejam em algum lugar do mundo onde ainda não temos laboratório, temos tecnologia para avaliar e recuperar o seu banco de dados remotamente. Se este é o seu caso, por favor, nos consulte.

Caso você necessite também podemos fornecer um acordo de confidencialidade (NDA – Non-Disclosure Agreement) em um idioma de sua preferência. Fale com um de nossos especialistas.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Isaias Sardinha
Isaias Sardinha
Isaias Sardinha, CEO e fundador da Digital Recovery, atua há mais de duas décadas na recuperação de dados perdidos, é perito em disaster recovery e no desenvolvimento de tecnologias para recuperação de dados, como a Tracer, ferramenta capaz de recuperar dados em RAID System, Storage, Máquinas Virtuais, Banco de Dados e Ransomware.
Estamos Sempre Online
Preencha o formulário e nós entraremos em contato com você para iniciar a recuperação de seus dados.
Confira outros artigos que você pode gostar

Conheça mais sobre a recuperação de dados e as inovações do universo da tecnologia.